Seu Banho e Tosa é um pesadelo? – Parte 2

Como já falamos no post anterior desta sério, o B&T pode se tornar um pesadelo por diversos motivos.
Como os resolver? Não há receita de bolo para nenhum deles. Vamos por partes:

1) Acidentes com animais e funcionários;
Pulgas e carrapatos endêmicos no ambiente;
Funcionários irresponsáveis e descompromissados com o serviço;
Fugas de animais do banho e tosa;
Morte de um animal durante o banho ou tosa;

Estes são sintomas de três fatores:
– Baixo investimento em treinamento para a sua mão de obra
– Pouca cultura de empresa
– Baixo critério de seleção de funcionários

Você treina os seus funcionários regularmente sobre segurança no B&T? Prevenção de acidentes? O seu RT é atuante na higienização correta do ambiente? Você valoriza a competência dos seus funcionários ou eles estão desmotivados?

A desmotivação do funcionário acarreta falta de atenção e compromisso, descuido e relaxamento. Previna estes comportamentos investindo neles em treinamento e os motivando não unicamente com salário, mas com melhores condições de serviço e demais incentivos .

Se você prefere usar banhistas e tosadores temporários por serem “mais baratos” ou oferecerem “menos complicação”, fique atento pois o barato sai caro. A falta de comprometimento dos funcionários com a sua empresa (e vice-versa) facilita o profissionalismo capenga . A alta rotatividade de banhistas e tosadores também predispõe em muito a ocorrência de verdadeiros desastres no B&T; sendo assim, construa uma cultura empresarial onde o cliente interno (o funcionário) é valorizado e respeitado, ao invés de ser tratado como mão de obra descartável.

2) Atrasos de serviço terrivelmente longos para o cliente

É muito fácil querer abraçar o mundo com um banho e tosa. Mas esteja atento quanto ao tempo de duração de um banho com tosa completa, e saiba dizer não aos clientes quando o dia já está lotado (se você trabalhar sem hora marcada). Apressar o tosador é prejudicial para a qualidade do serviço, a moral do tosador e a saúde do animal; caso seja um funcionário bom mas excepcionalmente devagar, invista no treinamento dele e tenha paciência. Ao invés de apressá-lo, avise sempre ao cliente de que o serviço vai demorar – é preferível você prevenir um desconforto ao avisar do que resolver um desconforto se justificando.

3) Táxi-dog com itinerários problemáticos e alta despesa de manutenção

O táxi-dog é sempre um calvário para todas as pet shops, pela quantidade de coisas que pode dar errado. Mais uma vez, planeje tudo em relação ao táxi-dog: como o animal deve ser pego na residência, como deve ser contido ao ser posto no veículo, como deve ser entregue no B&T, como prevenir infestações de pulgas e carrapatos, como prevenir fugas, quais as melhores e menores rotas. Leve em conta a manutenção preventiva dos veículos usados no táxi-dog ao invés de esperar os problemas aparecerem. Lembre-se, para cada minuto de planejamento você poupa cinco de execução.

4) Clientes que reclamam do serviço, do preço ou que simplesmente gostam de reclamar

Seus clientes são um reflexo do seu serviço como um todo. Há, contudo, um aspecto positivo nisto: o cliente que reclama é o cliente que se importa com o seu negócio. Apenas 5% dos clientes reclamam, enquanto os outros 95% simplesmente mudam de prestador de serviço sem maiores comentários. Preste atenção nesta pequena porcentagem, pois é ela que pode fazer a diferença entre um negócio se recuperar ou falir.

Clientes que reclamam do preço de um banho e tosa tornam evidente a falta de elementos tangíveis no seu serviço. O diabo mora nos detalhes, como perfume, lacinhos, apresentação da recepção e, mais importante, o atendimento ao cliente. Esteja atento a comentários sobre preço, eles revelam a discrepância entre como você vê seu B&T e como seus clientes o vêem.

Alguns clientes sempre vão estar insatisfeitos com algo, o que é estatisticamente previsível. Você pode escolher em tratar estes clientes de forma diferenciada (inclusive no preço) ou se dar ao luxo de perdê-los; qualquer outra abordagem provocará um desgaste desnecessário em você e na sua equipe. Contudo, muitas vezes o cliente insatisfeito que é tratado de maneira diferenciada termina por se tornar um grande defensor do seu serviço, então não torne a perda dele uma opção concreta.

Seu negócio sempre pode melhorar! Pense nisso!

Animal Marketing

Anúncios

Sobre Animal Marketing
Animal Marketing é uma central de informações, eventos e recursos sobre gestão e marketing no Mercado Pet, e mais especificamente, na Clínica Veterinária de Animais de Companhia no Brasil. Entre em contato conosco! animal.mkt@gmail.com

One Response to Seu Banho e Tosa é um pesadelo? – Parte 2

  1. fernando says:

    oi boa noite.sou tosador e gostaria de uma ajuda om que fazer quando um cliente pede um determinado serviço e quando vem busca seu pet ve que nao gostou do que pediu e ao inves de falar com o tosador partiu pras redes sociais disendo inclusive que avia pedido outra coisa o devemos fazer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: