Sobrevivendo a 2015

Por Shand Lenim

Dilma Roussef afirma o contrário, mas estamos à beira da recessão, com forte estagnação da indústria nacional. Ainda que o faturamento do mercado pet tenha superado a linha branca de eletrodomésticos, a atual crise econômica significa um período de cautela e planejamento intenso; gostemos ou não, o mercado pet é periférico. São produtos e serviços supérfluos, e por isso, um dos primeiros mercados a sofrer com qualquer desaquecimento da economia – nesse momento, muito cuidado com os indicadores do nosso mercado e a euforia relatada pela mídia, visto que há um encarecimento recente de insumos, produtos e recursos essenciais como luz e água que em breve farão sua marca nos índices de “crescimento” e no número de empresas pet que fecharão as portas em 2015.

Capa da Revista The Economist de setembro de 2013

Essa atmosfera de crise também leva proprietários de animais a buscarem menores custos no mercado, bem como diminuírem a frequência de consumo de alguns produtos e serviços e eliminarem o consumo de outros.

Como não virar estatística em 2015

Os prognósticos são negativos e a regra é apertar os cintos e botar a casa em ordem, pois até 2016 (no mínimo) teremos uma fase extremamente negativa na economia, com alta de juros, alta de inflação, alta de dólar e crises energética e hídrica, entre outros sérios problemas. Você deve estar se perguntando como amenizar os efeitos do período. Existem alguns passos a serem tomados:

1) Controle seus custos, controle seu fluxo de caixa: o controle de finanças é um sacerdócio. Planeje ao máximo seu caixa, e revise regularmente! Se você não era fã de controlar finanças, vire; se você já era, dobre seus esforços. Esteja atento ao parcelamento de dívidas, e para simplificar, procure pagar tudo o que puder à vista.

2) Intensifique suas vendas em resultados rápidos: varejistas, estoque nesse momento é dinheiro parado. “Aproveite” a recessão e venda seus produtos de baixa rotatividade logo, ainda que com margem de lucro mínima (a não ser que o seu mix de marketing permita a venda de extravagâncias, o que em 2015 exige grande cautela). Produtos promissores para o empresário pet em 2015 são aqueles de baixo custo e alta rotatividade, como petiscos e brinquedos. Guarde as grandes apostas para o fim da crise.

3) Concentre seus esforços na prestação de serviço: nosso esforço principal deve ser o de fidelização do cliente, sempre. Por isso, o diferencial competitivo entre dois prestadores de serviço do nosso mercado, acredite, não é o preço, mas a qualidade de serviço e o boca-a-boca gerado a partir daí, aplicável em todas as esferas do mercado pet, seja varejo, medicina veterinária, estética, hotelaria, spa ou adestramento. Quanto mais valor seu cliente cativo enxergar no seu serviço, menos ele se importará com a crise. Portanto, invista em si e na sua equipe! E não se preocupe com qualquer outra publicidade que não o boca-a-boca e seus derivados, como mídias sociais.

4) Preste atenção nos nichos: enquanto uns choram, outros vendem lenço. Um exemplo: a indústria de alimentação pet tem previsão de 3% de crescimento em 2015 segundo a Abinpet, indo na contramão do crescimento zero do resto do país. Elaborar e vender petiscos caseiros (desde que com acompanhamento de um nutricionista médico veterinário e atenção às normas da Vigilância Sanitária) é uma grande idéia dada à visível qualidade superior e natural preferência dos cães por petiscos mais frescos em relação a petiscos industrializados. Há outros nichos a serem explorados no mercado pet igualmente promissores em grandes centros urbanos, como hotel e creche para cães e gatos. Importante destacar que a integração de tais serviços com a clínica veterinária é interessante pela segurança e credibilidade transmitidas ao cliente.

O ano de 2015 será duro e difícil, mas esconde oportunidades de inovação e evolução no seu negócio. Boa sorte!

Shand Lenim é empresário, médico veterinário, consultor e palestrante, e dirige o site Animal Marketing

Anúncios

Sobre Animal Marketing
Animal Marketing é uma central de informações, eventos e recursos sobre gestão e marketing no Mercado Pet, e mais especificamente, na Clínica Veterinária de Animais de Companhia no Brasil. Entre em contato conosco! animal.mkt@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: